Passado, presente e futuro da DAF no Salão de Hanover

Ao completar 90 anos, a fabricante apresentará suas capacidades de inovar para o transporte de carga

DAF CF Electric Crédito: Foto: DAF

A DAF levará para o próximo Salão Internacional de Veículos Comerciais de Hanover, Alemanha, de 20 a 27 de setembro, o passado, o presente e o futuro como um retrato de suas capacidades para atender de maneira inovadora o transporte rodoviário de carga. No estande da marca pertencente ao grupo Paccar estarão desde o clássico A1600, de 1967, à mais recente solução em desenvolvimento, o CF Electric Innovation.

Em ano que completa 90 anos desde sua fundação, em 1928, a partir de uma pequena oficina de Eindhoven, nas Holanda, a DAF preparou um pacote de apresentações baseadas no que tem de melhor para oferecer.

Além da nova geração de caminhões LF, CF e XF, na qual foram introduzidos aperfeiçoamentos técnicos, desde o uso de materiais mais leves no chassi ao trabalho de engenharia nos motores, o que resultou economia de até 7% no consumo de combustível, a fabricante levará a edição especial de produção limitada a 250 unidades que marca as nove décadas de atividades da empresa.

Desenvolvido a partir de um XF com a cabine Super Space Cab, o veículo entrega pacote com acabamento de luxo e diversos recursos tecnológicos e de conveniência o motorista, desde central multimídia com sistema de navegação ao conforte de contar com forno micro-ondas e refrigerador.

Para um futuro nem tão distante, estará no estande da companhia o CF Electric em versão cavalo-mecânico 4×2. O modelo, ainda em desenvolvimento em parceria com a empresa de tecnologia VDL, tem capacidade para 40 toneladas de peso bruto total e carrega motor elétrico que gera 210 kW a partir de baterias de lítio com capacidade de 170 kWh. A aplicação de distribuição urbana norteia o projeto que estima oferecer 100 km de autonomia. A fabricante adianta que a primeira série de caminhões será colocada em operação de teste de campo com os clientes ainda ano.

De acordo com a DAF, a companhia ganhou participação nas vendas de na Europa, de 15,3% que tinha em 2017, para 16,5%, no encerramento do primeiro semestre do ano. A marca é líder de mercado no segmento de pesados no Reino Unido, Holanda, Bélgica, Polônia, Romênia, República Tcheca e Hungria.

“Estamos construindo uma rica herança de 90 anos que resultou em nossa posição de liderança de mercado. Nossas capacidades nos permitirão criar caminhões e trens de força que nos levarão para o futuro”, resume em nota Richard Zink, diretor de marketing e vendas da DAF Trucks.


Notícias relacionadas